15 de maio de 2017

Primeiro, uma revisão da previsão da semana passada:

  • Recordamos que as previsões dos analistas sobre o comportamento do EUR / USD a curto e médio prazo foram totalmente opostas. Assim, no primeiro caso, a maioria deles favoreceu o crescimento do par, enquanto no segundo favoreceram sua queda. E, como muitas vezes acontece, a previsão de médio prazo revelou-se a mais precisa: até quinta-feira, o par movimentou-se numa tendência de baixa, perdendo mais de 180 pontos durante este período. No entanto, na sexta-feira, os dados sobre as vendas no varejo nos EUA foram anunciados, o que jogou nas mãos dos touros: em vez do esperado 0,6%, o crescimento dos gastos dos consumidores foi de apenas 0,4%: como resultado, o par lançou drasticamente para cima e se congelou perto da forte linha de resistência de médio prazo em 1,0932;
  • Uma discrepância semelhante entre os analistas foi observada em relação ao futuro do GBP / USD. Aparte disso, projetou-se que o suporte mais próximo estava no nível de 1,2835, ao passo que a resistência em 1,3100. No entanto, assim como duas semanas atrás, o par acabou se comportando com mais calma do que o esperado; permaneceu dentro de 1,2843-1,2986;
  • Durante quase dois meses temos afirmado em cada uma de nossas previsões para o USD / JPY que os especialistas esperavam seu retorno primeiro para 113,55 e depois para 115,00. O par conquistou finalmente a primeira destas alturas e veio perto do segundo, alcançando 114,36 apenas esta semana. Após esta vitória, a força dos touros acabou e o par recuou para baixo por 100 pontos, terminando a semana em 113,35;
  • A maioria absoluta (70%) dos analistas esperava que o par USD / CHF voltasse à zona de 1,0000-1,0100. Esta previsão revelou-se 100% verdadeira: o máximo desta semana acabou por ser 1,0098 e o par acabou o fim da sessão da semana em 1,0007.

 

Previsão para a próxima semana:

Resumindo as opiniões de um número de analistas de bancos líderes e corretoras, bem como as previsões feitas com base em uma ampla variedade de técnicas e métodos de análise gráfica, podemos dizer o seguinte:

  • Sobre o EUR / USD, o calendário da semana não é marcado por nenhum evento econômico ou político especial. Esta pode ser a razão pela qual mais de 50% dos analistas, apoiados por quase metade dos osciladores em D1, prevê um movimento lateral deste par. O segundo grupo bastante grande de analistas (aproximadamente 40%) acredita que o par testará outra vez a altura de 1,1000. 10% dos especialistas ainda acreditam, no entanto, que o par vai imediatamente para o sul. Curiosamente, este ponto de vista é suportado pela análise gráfica e quase metade dos osciladores em H4, que indicam que este par está com excesso de compra. Além disso, a médio prazo, 65% dos analistas esperam que caia. O suporte mais próximo é 1,0850, o objetivo a médio prazo é retornar à zona de 1,0500-1,0680;

  • Quanto ao futuro do GBP / USD, os indicadores de tendência em D1 insistem na continuação da tendência ascendente lenta, que começou na última década de abril. 30% dos especialistas concordam com este ponto de vista, acreditando que o par deve necessariamente quebrar a barreira de 1,3000. Um ponto de vista alternativo é representado por 70% dos analistas, 60% dos indicadores de tendência e 90% dos osciladores em H4. Todos eles insistem que é melhor começar a vender este par e sugerem o suporte mais próximo em 1,2755. Se olharmos para a previsão a médio prazo, o número dos que apoiam os ursos entre os analistas já ultrapassa 80%; 1,2100 é declarado o alvo principal.
  • Quanto ao USD / JPY, após o impressionante lançamento deste par na primeira metade da semana passada e um retrocesso suficientemente forte no segundo, as leituras dos indicadores estão diametralmente opostas: em D1, recomendam comprar o par, enquanto em H4 recomendam vender. Os analistas também não conseguem chegar a um consenso: um terço deles prevê a queda do par, outro terço sua alta e o terceiro restante prevê uma tendência lateral. Ao mesmo tempo, cerca de 60% dos especialistas acreditam que, inclinando-se contra o apoio na zona de 111,60-111,79, o par ainda deve tentar conquistar a altura de 115,50 nas próximas semanas;
  • O último par da nossa revisão, como de costume, é o USD / CHF. Assim como seu gráfico para a semana passada acabou sendo semelhante ao gráfico do USD / JPY, assim são as previsões dos indicadores sobre o seu futuro: em D1 aconselha-se comprar e em H4 aconselha-se vender. Quanto aos peritos e à análise gráfica, na sua opinião, o par terá primeiro que cair para a zona de 0,9940-0,9960, em seguida, agarrar o seu caminho de volta para 0,9990, antes de finalmente retornar à área de 1,0050-1,0100 mais uma vez.

 

Roman Butko, NordFX


« Notícias e análises do mercado
Receba
treinamento
Novo no mercado? Utilize a sessão “Educação”. Comece o treinamento
Promoções
e bônus
Ofertas e condições especiais
para uma negociação rentável.
Saiba mais
Siga-nos nas redes sociais